Uma grande quantia de celebridades e cientistas, incluindo Madonna, Robert de Niro e uma série de vencedores do Prêmio Nobel, pediram mudanças radicais no mundo, em vez de “um retorno ao normal” após os bloqueios por conta da pademia do Novo Coronavírus.

As estrelas de Hollywood Cate Blanchett, Jane Fonda, Marion Cotillard e Monica Bellucci também adicionaram seus nomes à carta aberta publicada no diário francês Le Monde.

Os signatários estão pedindo o fim do consumismo desenfreado e uma “transformação radical” das economias para ajudar a salvar o planeta. O movimento foi escrito e liderado pela atriz Juliette Binoche e pelo astrofísico Aurélien Barrau.

Acreditamos que é impensável ‘voltar ao normal‘”, afirmou a carta, que também foi assinada pelos ganhadores do Nobel de Medicina, Química e Física, além do vencedor do prêmio de paz Muhammad Yunus. Eles disseram que a pandemia foi uma tragédia, mas era uma chance para a humanidade “examinar o que é essencial“.

‘Ajustes não são suficientes. O problema é sistêmico – acrescentou a carta.

Os 200 signatários (que você confere clicando aqui) disseram que era hora de os líderes deixarem para trás a lógica insustentável que ainda prevalece e empreenderem uma profunda revisão de nossas metas, valores e economias.

Tradução RainhaMadonna