Depois de anunciada a “Madame X Tour”, muitos críticos e jornais forçavam aos leitores a crer que a turnê seria um ato acústico na carreira da Rainha do Pop, o que não vai acontecer!

“Estou trazendo músicos que conheci em Lisboa e vamos nos concentrar na música”, disse Madonna. “Mas também haverá música eletrônica, tecnologia, às vezes nenhum músico no palco, às vezes apenas com o piano de cauda, às vezes apenas dançando”.

Madonna confessou que “está nervosa“. Mas desta vez, ela quer “algo diferente“. Portanto, Graham Norton perguntou se seria acústico. “Claro que não“, ela respondeu.

Mas não chame isso de residência. “Eu não gosto dessa palavra“, esclareceu Madonna. “Eu estou fazendo vários shows no mesmo lugar.

Graham Norton perguntou a ela o que é “o pensamento por trás” de pequenos espaços.

Eu gosto disso porque posso ver todo mundo“, disse Madonna. “E as pessoas podem me ver. Eu posso olhar para todos nos olhos.

Madonna acrescentou que em um teatro ela pode ter uma troca com o público que você não pode ter em um estádio ou arena.